Cinco desfiles que amei na SPFW N51

Cinco desfiles que amei na SPFW N51

Entre os dias 23 de Junho e 27 de Julho rolou a #51 edição da São Paulo Fashion Week, com apresentações online e estreias como a do Projeto Sankofa. Separei cinco desfiles que amei na SPFW N51.

ALG | Foto: Reprodução / Divulgação

ALG – Usando como cenário uma quadra de basquete, a coleção assinada por Alexandre Herchcovitch teve peças vendidas logo após a apresentação que foi uma collab em parceria com o clássico filme dos anos 90, Space Jam. 

No desfile, um toque urbano com peças que remetem aos jogadores de basquete e elementos da cultura de rua. Moletons, bermudas, jaquetas, duregs, são alguns dos destaques.

Juliana Jabour | Foto: Reprodução /Divulgação

Juliana Jabour – O fashion film gravado no centro de São Paulo em um clima pós apocalíptico, expressava nas peças o sentimento da estilista em se arrumar novamente em um pós pandemia.

Com muitos babados, cores vibrantes, volumes e formas diferentes a coleção expressa o sentimento escapista de dias melhores.

João Pimenta | Foto: Reprodução /Divulgação

João Pimenta – Ainda no clima pós pandemia, a apresentação de João Pimenta traz um olhar escapista, de felicidade e sustentável, uma vez que todas as peças foram produzidas com mostruários de lojas e sobras de seu ateliê. 

Na coleção, máscaras bordadas, drapeados, um trabalho detalhado de patchwork em uma alfaiataria desconstruída, colorida e alinhada. Volumes, capuzes de proteção e um toque de volume nos quadris que nos faz lembrar as saias volumosas de Maria Antonieta.

Meninos Rei | Foto: Reprodução /Divulgação

Meninos Rei – Diretamente do projeto Sankofa, a Meninos Rei celebra a ancestralidade afro brasileira porque se inspira no orixá Exu para mostrar sua coleção. 

Dentre os destaques, estampas coloridas, miçangas, adornos diversos, um toque sem gênero, cores vibrantes e volumes em uma alfaiataria desconstruída e alinhada.

Cinco desfiles que amei na SPFW N51: Ronaldo Silvestre

Em seu primeiro desfile na SPFW, Ronaldo Silvestre desfilou sua coleção nomeada “Conspiração” que faz referência à Revolta dos Alfaiates, ocorrida em Salvador há 223 anos. 

Ronaldo Silvestre | Foto: Reprodução /Divulgação

A coleção ainda nos convida para uma reflexão pertinente na atualidade sobre o que representa o povo brasileiro? Qual a sua luta? E Qual é a sua essência e seu futuro?

As peças contam com forte presença do trabalho manual em peças fluidas e mais amplas com um toque esportivo em tecidos tingidos de maneira natural porque são criados a partir de práticas sustentáveis.



5 comentários sobre “Cinco desfiles que amei na SPFW N51

  1. Não sabia que a SPFW também teve sua edição online. Achei muito interessante os conceitos que você mostrou. Meninos Rei e João Pimenta foram meus preferidos pelo post.

  2. Bacana saber que eles deram continuidade ao evento no formato online. Os conceitos no geral se utilizam de muitas cores, tornando o repasse das ideias ainda mais vibrante.

  3. Oie, tudo bem? Nossa, não sabia desse desfile. Achei incrível você trazer os pontos que mais gostou. Apesar de os desfiles durarem vários dias sempre tem aqueles que mais despertam nossa atenção não é mesmo? Ver composições diferentes, tendências, e claro, o que será deixado de lado na próxima estação. Amei essa última imagem. Um abraço, Érika =^.^=

  4. O Projeto Sankofa é incrível por trazer mais novidades. A iniciativa, que visa radicalizar, é um grande projeto que admiro, trazendo edição para a moda brasileira.

Deixe seu carinho nos comentários!

%d blogueiros gostam disto: