Arquitetura & Decoração

A versatilidade da madeira na arquitetura de interiores

Muito além do mobiliário em si, ideias inovadoras e aconchegantes tornam o material um grande protagonista no décor

Atualmente, a madeira – aplicada tanto na aparência de um face única ou com o efeito ripado –, se reafirma como uma queridinha na arquitetura de interiores, provando que o recurso é atemporal e, ao mesmo tempo, prático e super moderno.

A madeira possibilita a elaboração de revestimentos sofisticados e trabalha, de maneiras diferentes e criativas, os mais variados espaços de um imóvel: do piso ao teto, passando pela cozinha, varanda, sala de estar e até mobiliário! | Projeto: Daniela Funari Arquitetura | FOTO: Julia Novoa

Proporcionando aconchego, conexão com a natureza, estilo e durabilidade, a madeira é um dos materiais favoritos da arquiteta Daniela Funari, à frente do escritório que leva seu nome. Em seu trabalho, ela reconhece a força do material e a veia camaleoa que permite adaptar e oferecer soluções de acordo com as demandas de cada projeto. Confira, a seguir, inspirações de como a profissional investiu na madeira em diferentes espaços residenciais:

Painéis iluminados

Um hall de entrada sofisticado e impactante! Nesse living integrado projetado por Daniela Funari, a composição de peças sobrepostas recebe, com aconchego, moradores e visitantes. Junto com o efeito decorativo, alcançado tanto pelo desenho, como pela colocação das fitas de LED, proporcionou uma volumetria ímpar, assim como uma textura diferente para o espaço. “Na continuidade da área social, ainda conseguimos mimetizar algumas portas do apartamento“, revela a arquiteta.

Com efeito de um mosaico assimétrico realizado no hall de entrada, o desenho realizado pela arquiteta Daniela Funari ainda recebeu fitas de LED | FOTO: Julia Novoa

Estilização dos cantos

Muitos detalhes podem (e devem!) se tornar parte funcional e prática dentro de um projeto! Com a utilização da madeira, Daniela propôs um móvel que faz as vezes de sapateira e até de aparador, sendo localizado bem na entrada do apartamento e ao lado do lavabo. As brises, também de madeira, conferem um ar ainda mais original ao cantinho, que se tornou em um verdadeiro charme! 

Também na área social do apartamento, a profissional Daniela Funari fez o match da madeira em formato de brise e mobiliário | FOTO: Mariana Camargo

Madeiras em diversos tons

Para conceber a integração entre a cozinha e a varanda gourmet desse projeto, a arquiteta Daniela Funari propôs uma grande ilha com ripas azuis para auxiliar no preparo, apresentação e no ato de servir os pratos. Além da funcionalidade do elemento, se transformou em um item decorativo e ampliou as possibilidades de uma integração inteligente e coerente entre cômodos. 

Na ilha da cozinha, a delicadeza do ripado na cor azul petróleo foi a aposta da arquiteta Daniela Funari | FOTO: Julia Novoa

Painel para a TV

Uma escolha coringa (e sem erro) no momento de pensar no painel da TV é investir no material, pois a base neutra proporcionada pela madeira deixa o espaço ideal para que o equipamento esteja em destaque. Nessa sala produzida pela arquiteta, a madeira freijó faceia toda parede, além de seguir em consonância com o rack.

Na função de painel de TV, o clima gostoso da sala de TV com os fios todos embutidos | Projeto: Daniela Funari | FOTO: Mariana Camargo

O aspecto aprazível é complementado pela infraestrutura dos fios e cabos que estão atrás do painel. Tudo bem pensado, com antecedência, para conceder esse aspecto sutil e leve para o ambiente”, detalha Daniela.

A praticidade do buffet

Na otimização de funções, o móvel concebido na sala de jantar cumpre a tarefa de organizar as louças nos armários, como também de evidenciar o nicho central. Por aqui, a ideia foi dispor o cantinho do bar e complementar com objetos decorativos.

Na sala de jantar, o buffet/cristaleira se destaca no décor elaborado pela arquiteta | Projeto: Daniela Funari | FOTO: Mariana Camargo

Madeira aparente no mobiliário

A estrutura aparente dos mobiliários é uma tendência no mundo do design e muitas peças possuem, exatamente, essa vertente estética! Nesse projeto, a arquiteta e design de interiores escolheu um sofá com a estrutura de madeira evidente, destacando o recorte da peça e trazendo a imponência do móvel para a varanda gourmet. Para arrematar, o forro com efeito ripado. 

Na varanda do apartamento, a madeira se destaca na estrutura do sofá e no ripado realizado no forro | Projeto: Daniela Funari | FOTO: Mariana Camargo

Teto de madeira aparente na varanda gourmet

Como uma maneira de elevar a decoração do ambiente até o teto, a madeira aparente como revestimento superior garante muita sofisticação e elegância ao décor! Nessa varanda gourmet, todo o espaço do teto foi revestido com madeira, trazendo aconchego e sensorialidade ao ambiente que possui a exata dualidade de unir o exterior ao interior do imóvel. O material natural garante, ainda, que o ambiente interno seja trabalhado com organicidade e refinamento. 

Forro de madeira na varanda gourmet | Projeto: Daniela Funari | FOTO: Mariana Camargo

Marcenaria inteligente para a cozinha

Uma das qualidades da madeira é exatamente sua polivalência e a capacidade de se projetar e construir diferentes formas através da marcenaria.

Madeira: um clássico na marcenaria de cozinha | Projeto: Daniela Funari | FOTO: Mariana Camargo

Ademais, a marcenaria inteligente é uma estratégia eficaz para aproveitar cada espaço disponível e usufruir das potencialidades do material, como aconteceu nessa cozinha: prateleiras foram confeccionadas através de nichos embutidos no revestimento das paredes, assim como armários e encaixes perfeitos para os eletrodomésticos deixaram o espaço mais fluido e organizado. 

Foto Capa: Julia Novoa

Sobre o autor

Criado em 2018, o Blog Julli Terra tem a missão de te deixar informado sobre tudo o que acontece no mundo da moda, além de trazer matérias incríveis sobre o universo feminino.

Deixe seu carinho nos comentários!

%d blogueiros gostam disto: