Desfiles & Coleções Moda

Cinco desfiles que amei na semana de moda masculina (Inverno 23)

A semana de moda masculina abriu os trabalhos dos desfiles em janeiro. Com o retorno dos desfiles ao formato presencial, acompanhamos de perto as coleções desenvolvidas pelas grandes grifes. E por aqui, essa editora de moda separou os cinco desfiles que amei nas semanas de moda masculina.

Em uma visão mais ampla, percebemos que o novo normal além de trazer conforto alinhado a sofisticação também carrega novos códigos de moda como as modelagens femininas repaginadas além de cores, texturas e uma alfaiataria clássica cheia de estilo e elegância.

Prada (Foto: Reprodução internet)

Prada – Para seu Inverno 2023, a Prada apostou firmemente nos casacos e eles aparecem com aplicações de pelos nas barras e braços, além de trench coats em couro acinturadas e com ombros bem marcados e amplos remetendo rapidamente a alfaiataria da década de 1940. 

Na coleção desenvolvida por Miuccia e Raf Simons as sobreposições são outro ponto forte do desfile e elas aparecem em coloridos e todos os looks possuem luvas de cetim e vinil.

Fendi (Foto: Reprodução da internet)

Fendi – Desconstruindo a moda masculina, a grife traz para a passarela a moda mais tecnológica em códigos de moda masculina totalmente desconstruídos. Dentre os destaques, bermudas de couro, blazers com comprimentos croppeds e decotes aprofundados

A alfaiataria clássica se mescla a toques da silhueta feminina em suas composições trazendo uma pegada despojada e ao mesmo tempo contemporânea.

Kenzo (Foto: Reprodução da internet)

Kenzo – Em seu desfile de estréia como diretor criativo da Kenzo, Nigo traz como referência a Gallerie Vivienne em Paris, onde o fundador da marca abriu a sua primeira boutique em 1970. 

O streetwear, marca registrada de Nigo, foi mesclada aos códigos chave da grife, dentre eles o jeans bruto, o workwear, as jaquetas varsity, o college, e o outwear. Ponto chave da coleção a jaqueta kimono aparece como terceira peça, sobrepondo vestidos e ternos.

Dior (Foto: Repdodução da Internet)

Dior – Para a coleção de Inverno 2023, Kim Jones celebra Paris e o estilo parisiense mesclando o streetwear com a elegância mostrando esse homem parisiense com uma pegada jovem e contemporânea.

Louis Vuitton (Foto: Reprodução da internet)

Louis Vuitton – Em um desfile emocionante e histórico a grife apresentou em Paris a última coleção assinada por Virgil Abloh que nos deixou em Novembro do ano passado.

Dentre os destaques, os códigos já utilizados pelo estilista como a forte referência do streetwear, e o luxo subversivo. A silhueta mais marcada (assim como vimos na Prada) também é um ponto forte da coleção, assim como bolsas e toque de utilitarismo marcantes. 

Sobre o autor

Criado em 2018, o Blog Julli Terra tem a missão de te deixar informado sobre tudo o que acontece no mundo da moda, além de trazer matérias incríveis sobre o universo feminino.

Deixe seu carinho nos comentários!

%d blogueiros gostam disto: